segunda-feira, 19 de setembro de 2011

À você, que talvez nunca chegue a saber




A você, G. M.

             Parece um dia qualquer, mas não quando penso em você. Basta um segundo, e as estrelas surgem durante o dia. O amor é tão intenso que me contento com aquilo que não mereço. Hoje o dia parece simples. Mas se penso que estou com você, tudo fica diferente e novo. É um doce, um tanto amargo achocolatado. Seus cabelos definem bem seu interior e sua personalidade: rebeldia, elegância e unicidade. É ilusório ter seus olhos todos os dias sem poder tocá-los com os meus. Quem sabe um dia, meu anjo. Hoje você nem ao menos sabe que estas cartas existem. Talvez você agradeça um dia, por tanta atenção. Um amor que é incomum e toca como um sino, percebendo sentimentos, aflições e desejos. Posso hoje não ser o melhor para você, mas a recíproca não é verdadeira. Dependo um pouco de você a cada dia para sorver melhor o ar. E se falta, eu entristeço e empalideço. Mas sou forte, por mim e por você. Maybe a day ours bodies will be together, e quando isso acontecer, o brilho da lua tapará o sol, e seu olhar será visto por todos. Um semblante ímpar.
Com amor, por você,
Dan. M.

37 comentários:

  1. Dan Querido... e Amado...

    Temo que o amor nos faça tolo e escravo... insanos e inocentes!

    Mas... essa vida só vale se houver amor... ainda que, tantos outros desconheçam.

    Temo que seja esse o nome do que sinto por ti!

    Saudades antigas... com o mesmo amor de antes... de sempre.

    Sua e eterna

    Sil

    ResponderExcluir
  2. A prazerosa dor de amar, ou seria o doloroso prazer... Nem sei mais, só sei que dói e que é bom, mas confesso que prefiro a não-dor!

    ResponderExcluir
  3. Que lindo. Que apaixonante. Até o inglês você arriscou pela pessoa amada. Parabéns =)

    -> Obrigado pelo seu comentário, amigo. Estou seguindo com a vida sim. Vamos nos falando.

    *DB*

    ResponderExcluir
  4. Muito bom,

    Nuvens podem se abrir a qualquer instante.
    Fazer parte do dia, fazer parte
    do que parecia ser incompreensivel..

    ResponderExcluir
  5. Paixão brava, da primeira à última linha.

    Muito bom.

    =*

    ResponderExcluir
  6. Di boa cara, vai por mim, apaixonar-se é besteira

    ResponderExcluir
  7. Vim ler o seu blogue. E lhe convidar a visitar o meu. Bem simples, por sinal. Mas, se possivel seguirmos juntos por eles. Estarei lá, esperando por voce
    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Dan meu querido,
    que bela cartinha de amor a tua.
    Tão intensa e transparente, se a moça pudesse saber talvez pudesse decidir.
    Hoje tive uma conversa com um amigo de trabalho, e ele quer ir embora para sua cidade por medo de amar.
    Acho que o amor é tão maior, que devemos dizê-lo.
    Que tua musa possa perceber logo amado.

    Beijinho.

    ResponderExcluir
  9. Dan,
    Que linda carta de amor.
    Mas sou forte, por mim e por você.
    Adorei essa frase, que belo.

    Um beijo no seu ♥

    ResponderExcluir
  10. Estimado e Brilhante Amigo:
    Escreve com pureza de sentimentos e emoções perfeitas e magistrais palavras sublimes. Feliz será ela se o escutar. A sua magia é notável numa escrita fluída e perfeita.
    Excelente, amigo. Parabéns.
    Ela escutá-lo-á se for séria, sensata e sensível.
    Abraço amigo ao seu talento.
    No maior respeito.
    Sempre a admirá-lo

    pena

    MUITO OBRIGADO pela simpática visita.
    Bem-Haja, amigo extraordinário.
    É perfeito no que constrói com beleza nas palavras fantásticas que cria.

    ResponderExcluir
  11. Te entendo, já escrevi muitas cartas para alguém que nunca vai lelas..

    Sorte!

    ResponderExcluir
  12. Dan querido! Sua presença em meu escritos é como um presente para mim! É essencial, é necessário... Por mais que demore! Sua carta de amor é demasiadamente bela. Demonstra um amor puro, que não se corrompe... Mas pelo que vejo, não é percebido. Espero que essas belas palavras toquem o coração de quem esta carta pertence. Beijos saudosos e carinho poético!

    ResponderExcluir
  13. Que linda é bela essa carta de amor. Ja escrevi muitas cartas de amor que nunca foram lidas. Desejo uma ótima quinta-feira com final de semana maravilhoso. Bjs!
    Smareis

    ResponderExcluir
  14. Mesmo assim bate aquela esperança de que um dia essa pessoa chegue a ler...embora possa ser tarde.

    Muito lindo o que escreveu,muito apaixonante,toca na alma...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. seguindo seu blog
    me segui tbm
    http://intensamenteamor.blogspot.com/
    bjus

    ResponderExcluir
  16. Olá, meu querido... Em breve o blog Delicada como Flores (http://delicadascomoflores.blogspot.com/)será desativado. Infelizmente não tenho conseguido me dedicar muito a ele.
    Continuarei postando meus textos no Recanto das Letras: http://www.recantodasletras.com.br/autores/cahlima

    Aguardo sua visita ansiosamente e prometo que estarei sempre por aqui!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. O Fernando Pessoa, o teu poeta predileto, dizia que todas as cartas de amor são ridículas.
    Eu não concordo com ele, e a prová-le está esta carta de amor que escreveste com o coração.
    Caro amigo, tem um bom resto de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  18. Maravilhoso texto! Talvez ela, aquela pessoa, nuncachegue a saber; mas valeu à pena a viagem. Obrigado pelo carinho, tenha um ótimo fim de semana; abç!

    ResponderExcluir
  19. Bem Dan,
    Talvez o amor seja uma das melhores e ao mesmo tempo, piores coisas existentes no mundo. É dificil estabelecer um ponto que a todo momento, ele faça bem para as pessoas. É raro encontrar um alguém que faça valer a pena viver. Mas, a unica coisa que digo então, é que se você achar uma pessoa que pareça que te complete e é a "certa" corra atrás. Nunca desista daquilo que te faz feliz, esteja sempre pensando que seus sonhos, sua felicidade é a coisa mais importante do mundo.

    Eu gosto demais de te ler e te admiro muito Dan, espero que não suma mais!

    Um grande abraço, com carinho.
    Pedro

    ResponderExcluir
  20. Desejo-lhe uma boa semana que se avizinha!

    Um forte abraço

    ResponderExcluir
  21. Querido Dan!

    Agradeço imensamente seus cometários tão ternos em meu blog. Suas palavras me confortam e percebo através de você que ainda existem seres humanos capazes de entrar em empatia com o sentido dos outros.

    A escrita libera todas as nossas angustias e sofrimentos. É grandioso colocar no papel tudo aquilo que sentimos... Faz muito bem elaborar os nossos sentimentos através de palavras, pois durante a escrita temos tempo para pensar o quão verdadeiro e concreto é o nosso sentimento. Sua elaboração sentimental ficou linda!

    Beijo,
    Évelyn

    ResponderExcluir
  22. Que texto bonito, moço. tinha muito tempo que eu não vinha aqui...bom voltar e me deparar com um escrito do coração. bjs

    ResponderExcluir
  23. Olá Daniel, como vai?
    o teu modo de escrever revela sempre preciosidades, e assim digo porque produz um efeito que, por sua vez, é terno e nos faz pensar sobre 'questões nossas'.
    Interessantíssimo tu ter comentado sobre o sino, é um símbolo que me atrai pois penso no seu som que com o tempo perde a intensidade inicial, mas que permanece em seus "blem-blons" por um determinado período, até que se silencia. Isto me remete a lembranças e sentimentos que ainda que "superados" - como as pessoas costumam dizer - ainda emitem sons e causa algo em nós. Estes sutis balanços podem permanecer por tempos e épocas que não imaginamos.

    Uma ótima semana a ti,
    abraços

    ResponderExcluir
  24. Olá moço! Fiquei emocionada com tua carta de amor.
    Já disse Alvaro de Campos...
    "Mas, afinal,
    Só as criaturas que nunca escreveram
    Cartas de amor
    É que são
    Ridículas."

    Eu já as fiz, refiz, enviei, guardei,escondi.
    O importante é o sentir, tão presente nestes teus belos escritos!

    =)

    ResponderExcluir
  25. Oi. Passando pra desejar um ótimo fim de semana. Adoro aqui.
    Beijos no core,




    PS: Finalmente consegui editar meu Blog e deixar comentários nas minhas visitas aqui.
    Tive que retirar a lista de Blog para sair aquela mensagem de bloqueio.

    ResponderExcluir
  26. O AMOR É FOGO QUE ARDE SEM SE VER ....
    BEIJOS MEUS

    ResponderExcluir
  27. Ei meninu, que texto bacana, gostei muito. Passando pra deixar um oi.

    ResponderExcluir
  28. Tarefa difícil esse mês. Vou ter que escolher uma escrita dentre as muitas belas no meu vicinal. Então, quem sabe você poderia me ajudar e enviar para o e-mail ‘michelesantti@gmail.com’ o teu fragmento predileto.
    Fiquei lisonjeada quando o querido QUIM postou minha escrita em seu blog. Assim, decidi adotar a ideia e de uma forma honrosa, postar os autores mais próximos: os blogueiros, meus colegas avatares.
    Não esquece de assinar o e-mail com o nome do seu Blog.
    Beijos e ótima semana,
    Mih

    ResponderExcluir
  29. Passando por aqui... Meu Querido Dan...

    Para dizer da saudade e da falta que tuas palavras e teu aproximar tão ácido me fazem sentir...

    Sem precisar dizer mais,

    Te deixo um beijo demorado... e um abraço na alma.

    ResponderExcluir
  30. Bom dia Dan.
    Como vai querido?
    Espero que bem.
    Te deixo um beijinho e bom final de semana

    ResponderExcluir
  31. Cartas assim não podem ficar esquecidas na gaveta. texto brilhante.

    abraços

    ResponderExcluir
  32. Que esse seu amor , aqui tão bem descrito, possa um dia ter eco.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  33. Olá, mano, tudo bem?
    Creio que você lembre de mim, eu disse no começo do ano que ia dar um tempo do blog... agora voltei com um novo :D
    Quero agradecer as suas palavras de força naquele comentário. Seu blog continua com posts maravilhosos.
    Espero uma visita sua.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  34. Olá, amigo Dan.

    Quem não gostaria de receber uma linda carta como esta? Perfeita. Saudades de você em meu cantinho, vê se não some de lá.

    Beijos

    ResponderExcluir
  35. Ah, sempre escrevo cartas sem remetente, sempre! Mas um encontro alguém para enviá-las. Pois é, é assim meio confuso os sentimentos meus, ou da gente. Sei lá! Enfim, que carta ein? rs

    Abs!

    ResponderExcluir